Ir al contenido

Dialnet


Os "indesejáveis" na cidade: as representações do retirante da seca (Natal, 1890-1930)

  • Autores: George A.F. Dantas, Angela Lucía de Araujo Ferreira
  • Localización: Scripta Nova: Revista electrónica de geografía y ciencias sociales, ISSN-e 1138-9788, Nº. Extra 5, 94, 2001 (Ejemplar dedicado a: Migración y cambio social: III Coloquio Internacional de Geocrítica)
  • Idioma: portugués
  • Enlaces
  • Resumen
    • As secas têm sido uma constante na história brasileira e, em especial, naqueles estados que formam o chamado "polígono das secas". Por muito tempo, as elites política e econômica, ao evidenciar e dramatizar este fenômeno em seus discursos, transformaram-na na principal causa do processo migratório do interior flagelado para os centros urbanos mais importantes econômica e politicamente. Para além dos estudos dos processos migratórios, interessou-nos sobremaneira discutir as ações e representações que os retirantes suscitaram nos espaços urbanos ditos civilizados, no caso, a cidade de Natal durante a Primeira República. Estorvo às condições de salubridade do espaço urbano e um embaraço à própria idéia de moderno: tal era a imagem do retirante para uma elite que pretendia criar a cidade moderna nos trópicos. Aos temores da saúde pública se juntaram assim o medo da desordem social e da miséria que não cabiam neste projeto de modernização.


Fundación Dialnet

Dialnet Plus

  • Más información sobre Dialnet Plus

Opciones de compartir

Opciones de entorno